Notícias

01/08/2017

Juniores paulinos participam do 3º módulo do curso sobre o Carisma da Família Paulina – Brasil

Por Francisco Galvão, ssp

Foi muito importante a participação dos nossos juniores no 3º módulo do curso sobre o carisma da Família Paulina. Com isso, nós estamos em sintonia com o pensamento da igreja, principalmente com o papa Francisco que sempre nos remete às origens. Para nós, paulinos, voltar às origens é voltar à essência do evangelho e voltar ao nosso carisma.

Padre Luiz Miguel Duarte, Provincial dos Paulinos no Brasil

 

Entre os dias 20 e 30 de julho realizou-se, em São Paulo, o 3º módulo do curso sobre o Carisma da Família Paulina. 29 membros da Família religiosa fundada por padre Tiago Alberione participaram desta terceira etapa do curso, dentre eles seis juniores paulinos: Deivid Tavares, Francisco Galvão, Iorlando Rodrigues, João Paulo, Mario Roberto e Tiago Melo; além de Padre José Carlos de Freitas Júnior, ssp, que concluiu os três módulos do curso iniciado em 2015.

De acordo com o Coordenador Provincial do Serviço de Animação Vocacional e Formação, padre Antônio Lúcio da Silva Lima, a ideia de enviar os juniores para participarem do Curso sobre o Carisma foi fruto de discernimento e diálogo com o Conselho de Animação Vocacional e Formação e o Conselho Provincial. Segundo o padre Lúcio, “ficou decidido que a partir de 2018 será indispensável a participação dos Juniores Paulinos no Curso sobre o Carisma da Família Paulina, do Brasil. Será conteúdo obrigatório na formação espiritual do Juniorato”.

A presença dos juniores paulinos no curso foi avaliada pelos demais participantes como “positiva, dinâmica e integradora”. Em carta enviada por padre Lúcio aos participantes do curso, ele ressaltou que, “dos sete Juniores da Província, apenas um não pôde participar, pois estava na Alemanha por um período de três meses por questões apostólicas”. Esperançoso e contente com a participação dos juniores no Curso do Carisma, padre Lúcio ressaltou: “Quem sabe, com esta iniciativa dos Paulinos, outras Congregações se animam a fazer o mesmo?! Todos sairemos ganhando, pois estaremos ‘bebendo na fonte’ carismática de nossa “admirável Família Paulina”.